Seshat - Biblioteca de TCC's, Teses e Dissertações

Pesquisa


Consumo do extrato da erva-mate frente ao sobrepeso e obesidade, e na prevenção de doenças cardiovasculares.

Mestrado em Profissional em Plantas Medicinais e Fitoterápicos na Atenção Básica
Autor: Maria Angelica Strapazon
Orientador: Euclides Lara Cardozo Junior
Defendido em: 28/03/2018

Resumo

O sobrepeso e obesidade atingem no mundo praticamente 2 bilhões de pessoas, sendo que o Brasil apresenta 17% de sua população com obesidade. Estas condições trazem elevados custos de tratamentos médicos, estima-se um gasto entre 2 a 7% do total destinado à saúde em nosso país, somente com problemas da obesidade, sendo que maiores proporções de excesso de peso e obesidade concentram-se na Região Sul. A alta prevalência de mortes causadas por doenças cardiovasculares, tem tido grande atenção, pois estima-se que no ano de 2020 aproximadamente 40% de todas as mortes em nível mundial serão causadas pelas doenças cardiovasculares. A erva-mate tem demonstrado efeitos no tecido adiposo, e alugns de seus compostos atuam como anti-inflamatórios, atuando na reduçao de parametros antropométricos e bioquímos, relacionados a saúde cardiovascular. Desta forma o objetivo deste estudo foi evidenciar o efeito do consumo do extrato de erva-mate junto a dieta terapêutica sobre a redução de peso e fatores de riscos cardiovasculares modificáveis. Foi realizado um estudo clínico nutricional, randomizado, duplo cego, controlado por placebo, com dois grupos paralelos, em que foram avaliados 66 sujeitos, o qual teve duração de 90 dias. O extrato de erva-mate, junto a uma dieta terapêutica teve efeitos em pacientes com sobrepesos e obesos, com influência sobre alguns parâmetros antropométricos e, com aumento de 7,7% nos valores de HDL-c, relacionando este dado a redução de fatores relacionados a doença cardiovascular.

Palavras-chave

Obesidade, (Ilex paraguariensis), chimarrão, tererê, polifenóis, doenças cardiovasculares.


Abstract

Overweight and obesity in the world reach almost 2 billion people, with Brazil presenting 17% of its population with obesity. These conditions bring high costs of medical treatments, it is estimated that spending between 2 and 7% of the total destined to health in our country, only with problems of obesity, being that greater proportions of excess weight and obesity are concentrated in the South Region The high prevalence of deaths caused by cardiovascular diseases has received great attention because it is estimated that in the year 2020 approximately 40% of all deaths worldwide will be caused by cardiovascular diseases. Mate herb has shown effects on adipose tissue, and alugns of its compounds act as anti-inflammatories, acting in the reduction of anthropometric parameters and biochemical, related to cardiovascular health. In this way, the objective of this study was to demonstrate the effect of the consumption of the herb-mate extract along with the therapeutic diet on the weight reduction and modifiable cardiovascular risk factors. A randomized, double-blind, placebo-controlled clinical study with two parallel groups was conducted in which 66 subjects were evaluated, which lasted 90 days. The herb-mate extract, along with a therapeutic diet, had effects on overweight and obese patients, with influence on some anthropometric parameters and, with a 7.7% increase in HDL-c values, relating this data to the reduction of factors related to cardiovascular disease.

Keywords

Obesity, (Ilex paraguariensis), chimarrão, tererê, polyphenols, cardiovascular diseases.

Créditos

Menu