Seshat - Biblioteca de TCC's, Teses e Dissertações

Pesquisa


Freqüência e fatores de risco da neosporose em propriedades de produção leiteira de Umuarama, PR

Mestrado em Ciência Animal
Autor: Adriano Augusto Martins
Orientador: Aristeu Vieira da Silva
Defendido em: 24/04/2009

Resumo

Neospora caninum tem sido mundialmente reconhecido como causa de abortamentos em bovinos e por causar alterações neuromusculares em cães. Os canídeos, notadamente o cão doméstico, são os hospedeiros definitivos deste protozoário, e uma grande variedade de animais selvagens e domésticos constituem-se hospedeiros intermediários, com importância da infecção em bovinos, caprinos e ovinos. Nos bovinos a principal forma de manutenção do parasito no rebanho é a transmissão vertical, entretanto os cães têm papel importante na disseminação do parasito, pois podem eliminar milhares de oocistos resistentes às condições ambientais. Este trabalho teve como objetivo determinar a freqüência de vacas e cães positivos para a presença de anticorpos anti-Neospora caninum em propriedades de Umuarama, PR, e verificar os fatores associados à presença de animais positivos. Para tanto, amostras de soro de vacas e cães de 15 propriedades de Umuarama, PR, foram examinadas para a presença de anticorpos anti-Neospora caninum, pela reação de imunofluorescência indireta, considerando-se ponto de corte 100 para bovinos e 50 para cães. Das 309 vacas examinadas, 63 (20,4%) foram positivas, com títulos variando de 100 (23,8%) até 1600 (11,1%). Três (6,1%) dos 49 cães examinados foram positivos. A análise multivariada de fatores associados à presença de vacas positivas revelou que produzir alimentos na propriedade, não utilizar inseminação artificial e o acesso de animais silvestres às instalações e/ou alimentos dos bovinos estiveram significativamente associadas à positividade das vacas. Nenhum fator de risco esteve significativamente associado à positividade em cães.

Palavras-chave

Neospora caninum; bovino; cão; epidemiologia; fatores de risco.


Title

Freqüência e fatores de risco da neosporose em propriedades de produção leiteira de Umuarama, PR

Abstract

Neospora caninum has been recognized all over the world as a causative agent of abortion in cattle and of neuromuscular changes in dogs. Canids, mainly the domestic dog, are definitive host of this protozoan. A large variety of wild and domestic animals are intermediate hosts that have important roles in the infection of cattle, sheep and goats. In bovines, the parasite is mainly maintained in the herds by vertical transmission, whereas dogs have a crucial role in the dissemination of the parasite, because they may shed thousands of oocysts resistant to environmental conditions. The objective of this study was to determine the frequency of cows and dogs positive for antibodies anti-Neospora caninum in farms in Umuarama, PR, and to assess the factors associated with the presence of positive animals. In order to do that, serum samples were collected from cows and dogs in 15 farms in Umuarama, PR. Samples were analyzed for the presence of antibodies anti-Neospora caninum using indirect fluorescent antibody test, and considering 100 as the cutoff value for bovines and 50 for dogs. From the 309 cows analyzed, 63 (20.4%) were positive, with titers ranging from 100 (23.8%) to 1,600 (11.1%). Three dogs (6.1%) were positive from a total of 49 animals sampled. Multivariate analysis showed that production of feed in the farm, not using artificial insemination and access of wild animals to cattle facilities and / or feed were significantly associated with positive results in cows. No risk factor was significantly associated with positive results in dogs.

Keywords

Neospora caninum; bovine; dog; epidemiology; risk factors.

Créditos

Menu