Seshat - Biblioteca de TCC's, Teses e Dissertações

Pesquisa


Programa de Mestrado em Profissional em Plantas Medicinais e Fitoterápicos na Atenção Básica

Atividade antibacteriana do gerador de alta frequência e do óleo de copaíba em cepas padrão e em isolado de feridas cirúrgicas

Estudos científicos comprovam que o uso indiscriminado de antibióticos fez com que as bactérias ampliassem suas defesas relativas aos agentes antibacterianos, selecionando cepas resistentes e limitando às opções para o tratamento das infecções, caracterizando um grave problema de saúde pública. Ao infectarem as feridas cirúrgicas, esses microrganismos podem trazer várias complicações, interferindo no processo de cicatrização. Pensando em alternativas para ampliar as opções de tratamento contra as infecções bacterianas, principalmente em feridas cirúrgicas, o presente estudo propõe a utilização do ... [Veja mais]

Autor: Raquel Costa Machado

Defendido em: 19/12/2017


Utilização de medicamentos e plantas medicinais por gestantes no município de Umuarama/PR

A mortalidade infantil é importante indicador de saúde e a medicalização associada ao uso irracional na gravidez deve ser considerada um problema de saúde pública. No Brasil, a ANVISA segue a classificação do Food and Drug Administration (FDA) que categoriza os medicamentos como A, B, C, D e X, sendo D com evidências positivas de risco fetal e X com evidências positivas observadas com base na experiência humana. O objetivo deste trabalho foi analisar o perfil das gestantes atendidas pelo ... [Veja mais]

Autor: Rosana da Matta

Defendido em: 19/12/2017


Atividade osteoprotetora do extrato de tribulus terrestris em modelo experimental de osteoporose

A osteoporose é uma doença óssea sistêmica caracterizada pelo comprometimento da resistência óssea predispondo ao maior risco de fraturas. Apesar das várias etiologias para a osteoporose sem dúvida a mais importante é o envelhecimento da população e o hipogonadismo. Assim, as mulheres após os 50 anos de idade estão mais predispostas à doença e suas complicações diretas (fraturas vertebrais, colo de fêmur e as do antebraço) e as indiretas (pneumonia, infecções, sequelas motoras, restrição a cadeiras de rodas, óbitos). As ... [Veja mais]

Autor: Marcia Alessandra Arantes Marques

Defendido em: 19/12/2017


Composição química e atividade antioxidante de duas preparações de extrato do rizoma de Curcuma longa L.

A Curcuma longa L. é conhecida por açafrão, açafrão-da-terra, turmeric, batatinha-amarela, trata-se de uma planta Originária da Índia e sudeste da Ásia que apresenta diversas ações, dentre elas a antioxidante. Os rizomas de C. longa utilizados no estudo foram provenientes do Horto de Plantas Medicinais da Universidade Paranaense – Unipar, em Umuarama, Região Noroeste do Paraná. Foi realizado o extrato bruto, sendo um apresentado na forma de graxa e o outro seco a partir do processo de spray drying. A ... [Veja mais]

Autor: Juliana Pelissari Marchi

Defendido em: 23/03/2018


Estudo etnobotânico de plantas medicinais utilizadas no tratamento de doenças cardiovasculares indicadas por curandeiros do sudoeste do Paraná, Brasil

As doenças cardiovasculares são responsáveis por altas taxas de morbidade e mortalidade em todo o mundo. Entre as opções de tratamento, o uso de plantas medicinais é frequente, especialmente em países em desenvolvimento como o Brasil. Apesar do desenvolvimento de constantes estudos na área, o uso de plantas medicinais ainda é conduzido pelo conhecimento popular, especialmente por curandeiros. Desta forma este estudo teve como objetivo realizar um estudo etnobotânico de plantas medicinais utilizadas para o tratamento de doenças cardiovasculares indicadas ... [Veja mais]

Autor: Jacqueline Vergutz Menetrier

Defendido em: 24/03/2018


Avaliação dos aspectos microbiológicos de plantas medicinais cultivadas por agricultores da região sudoeste do Paraná

Desde 2006, o Brasil possui políticas públicas com a finalidade de fomentar o uso de plantas medicinais (PM) como a Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos que estipula a inserção de terapias alternativas e práticas populares no sistema único de saúde juntamente com a relação de plantas medicinais de interesse do SUS. Este trabalho visa avaliar os aspectos microbiológicos das PM cultivadas por agricultores da região de Francisco Beltrão – PR além de identificar os possíveis problemas relacionados as ... [Veja mais]

Autor: Mardjori Andrade Hellmann

Defendido em: 24/03/2018


Avaliação da eficácia do infuso de Calendula officinalis L. Como terapia adjuvante no tratamento de feridas na atenção básica.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda o emprego de plantas medicinais nos programas de atenção primária à saúde, haja visto que cerca de 80% da população mundial tratam doenças de forma eficiente com plantas medicinais em terapias alternativas e/ou complementares. O Município de Toledo-PR, tem utilizado a planta medicinal Calendula officinalis L. (droga vegetal notificada) como terapia adjuvante no tratamento de feridas crônicas de difícil cicatrização, utilizada na forma de extrato aquoso/infusão dos capítulos florais, porém sem uma comprovação ... [Veja mais]

Autor: Elenir Langner Neri Rudek

Defendido em: 28/03/2018


Perfil das famílias atendidas nas unidades básicas de saúde do município de Umuarama/PR, que fazem ou não o uso de plantas medicinais

Devido à importância das plantas medicinais, a presente dissertação teve como objetivo realizar um estudo para analisar o perfil das famílias atendidas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município de Umuarama/PR, que fazem ou não o uso de plantas medicinais, possibilitando assim, uma contribuição às pessoas da comunidade, com a prática dos profissionais que nela atuam. Para tanto, foi realizado um estudo de caráter descritivo a partir de uma pesquisa quantitativa, realizado entre os meses de julho a outubro ... [Veja mais]

Autor: Cecilia Cividini Monteiro da Silva

Defendido em: 28/03/2018


Consumo do extrato da erva-mate frente ao sobrepeso e obesidade, e na prevenção de doenças cardiovasculares.

O sobrepeso e obesidade atingem no mundo praticamente 2 bilhões de pessoas, sendo que o Brasil apresenta 17% de sua população com obesidade. Estas condições trazem elevados custos de tratamentos médicos, estima-se um gasto entre 2 a 7% do total destinado à saúde em nosso país, somente com problemas da obesidade, sendo que maiores proporções de excesso de peso e obesidade concentram-se na Região Sul. A alta prevalência de mortes causadas por doenças cardiovasculares, tem tido grande atenção, pois estima-se ... [Veja mais]

Autor: Maria Angelica Strapazon

Defendido em: 28/03/2018


Créditos

Menu